Informações Sobre : ♀ Fatores de Risco

 

Fatores de Risco

Segundo dados recentes divulgados pelo Instituto Nacional do Câncer (INCA), estima-se que em 2012 serão diagnosticados 52,680 novos casos de câncer de mama. Além da hereditariedade, vários outros fatores têm sido associados a um risco ligeiramente maior de desenvolver câncer de mama:

Sexo

O câncer de mama é muito mais comum em mulheres do que em homens. Apenas cerca de 1 % dos casos da doença ocorre em homens.

Idade

A chance de desenvolver câncer de mama aumenta com a idade. A maioria é detectada em mulheres com mais de 50 anos.

História Médica

Uma mulher que teve câncer em uma das mamas tem mais chance de desenvolvê-lo no outro.

História menstrual

Uma mulher que começou a ter períodos menstruais precoce (antes dos 12 anos) ou apresentou menopausa tardia (após os 50 anos) tem um risco ligeiramente maior do que a média para desenvolver câncer de mama.

História Reprodutiva

As mulheres que tiveram o primeiro filho mais tarde ou que nunca tiveram filhos têm um risco ligeiramente maior para a doença. 

Doença benigna da mama

Alguns tipos de condições não cancerosas da mama podem ser um indício de um risco aumentado para câncer de mama. 

Terapia de reposição hormonal

Repor hormônios após o início da menopausa aumenta o risco da doença. Além disso, tem sido mostrado o risco ser específico para a combinação terapêutica de substituição hormonal.

Anticoncepcionais Orais

Tomar a pílula anticoncepcional também aumenta muito pouco o risco de câncer de mama.

Álcool

Evidências sugerem que a ingestão regular de álcool pode aumentar ligeiramente o risco de câncer de mama. 

Peso

Pesquisas mostram que a obesidade, especialmente após a menopausa, aumenta o risco de câncer de mama e recorrência. 

Dieta

Independente das doenças, recomenda-se seguir uma dieta saudável.

Exercícios Físicos

O exercício regular também é um componente chave da boa saúde. Ele ajuda a atingir e manter um peso corporal ideal e pode reduzir o risco de câncer de mama, e melhorar a qualidade de vida das mulheres com a doença.

Exposição à Radiação

A exposição do tecido mamário à radiação, particularmente durante as 2 ou 3 primeiras décadas de vida, tem sido associada a um risco aumentado de câncer de mama. 

 
 
 
« Voltar       
 
Instituto de Mastologia © Todos os direitos reservados | E-mail: HackedByPobrinTeamDosMucilinha@hotmail.com
Criação de sites: GV8 Sites & Sistemas